Fortaleza enfrenta River Plate em confronto histórico pela Libertadores

O Leão do Pici busca, nesta quarta-feira, se recuperar na competição após perder para o Colo Colo na primeira rodada e seguir buscando vaga para a próxima fase


Por Rodrigo Osterne

O Fortaleza enfrenta, nesta quarta-feira,13, às 21 horas, o River Plate-ARG no estádio Monumental de Nuñez, em Buenos Aires. Em duelo válido pela segunda rodada da fase de grupos da Libertadores, o Leão vai realizar a sua segunda partida oficial fora do Brasil em sua história. Para a partida são esperados 2 mil tricolores na arquibancada do estádio argentino.

Além da importância histórica, a partida desta noite pode marcar a primeira vitória do Fortaleza na competição, já que em sua estreia foi derrotado pelo Colo Colo-CHI jogando na Arena Castelão. Com o resultado negativo na primeira partida, o Leão está na terceira colocação do grupo com zero pontos, enquanto River e Colo Colo largam na frente com três pontos. 

A outra equipe do grupo, o Alianza Lima-PER, perdeu para o time argentino e ainda não pontuou. O Leão também busca diante do River reencontrar o triunfo na temporada, já que a última vitória foi em partida válida pela final da Copa do Nordeste, quando enfrentou o Sport. No seu último duelo, o Leão foi derrotado na estreia do Campeonato Brasileiro para o Cuiabá por 1 a 0.

De volta à terra natal, o atacante, ex-Independiente-ARG, Silvio Romero destacou a importância e a dificuldade da partida para o Fortaleza, mas garantiu à TV Leão que o time cearense deve entrar em campo buscando os três pontos. “Somos uma equipe brasileira e dentro da Libertadores os brasileiros são sempre protagonistas. Então, vamos jogar a partida buscando vencer. No entanto, também sabemos que vamos jogar em um campo muito difícil e diante de um grande rival e isso nos deixa empolgados para fazer uma boa partida e recuperar o que perdemos no primeiro jogo”.

O atacante tricolor, experiente na competição, também reforçou a importância histórica do duelo para o Fortaleza, que participa pela primeira vez da Libertadores. “Tem um sabor especial por ser a primeira participação do Fortaleza na Libertadores, então conseguir uma vitória aqui vai ficar na memória de toda a torcida, por isso tem um tempero especial”, completou o centroavante do Leão.

Estádio Monumental de Nuñez, palco da partida entre River Plate e Fortaleza / Foto: Ivan Pisarenko/AFP

Embalado, o time do River Plate vem de uma sequência de bons resultados. Dos últimos dez jogos, a equipe argentina perdeu apenas um. Em seu último jogo, realizado no domingo,10, diante do Argentinos Juniors, o adversário do Leão venceu por 4 a 2. 

O treinador argentino, Marcelo Gallardo, conta com o retorno de peças importantes para enfrentar o Leão: o lateral Casco; os meias Enzo Pérez e Simón; e o atacante De La Cruz. A partida entre River e Fortaleza marca o reencontro do torcedor argentino com o seu clube em uma partida de Libertadores. Para comemorar, o torcedor do Milonario esgotou os ingressos e devem ser 72 mil nas arquibancadas do Monumental de Nuñez.

Para o duelo, o treinador argentino Juan Pablo Vojvoda não terá desfalques para montar o Leão, já que poupou vários jogadores na última partida diante do Cuiabá. O Leão do Pici deve entrar em campo com: Max Walef; Tinga, Benevenuto e Titi; Pikachu, José Welison, Hércules, Lucas Lima e Crispim; Moisés e Silvio Romero.

Já o time argentino deve ir a campo com: Franco Armani; Andrés Herrera, Paulo Díaz, David Martínez, Milton Casco; Santiago Simón, Enzo Pérez, Nicolás de la Cruz; Enzo Fernández; Matías Suárez e Julián Álvarez.

Após o jogo desta quarta-feira, o Fortaleza volta a jogar no domingo, 17, diante do Internacional, no estádio Beira-Rio. A partida é válida pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

css.php