Grupo indígena ganha destaque em concurso nacional por sua história e tradição

Os estudantes de publicidade Pedro Vidal e Lucas Plutarcho, da Unifor, conquistaram o primeiro lugar e foram premiados na categoria Fotojornalismo da Expocom com foco no povo Jenipapo-Kanindé

Por Érica Prado

É nos arredores da Lagoa Encantada, no Município de Aquiraz, a 33 km de Fortaleza, que o grupo indígena Jenipapo-Kanindé habita. De acordo com a última pesquisa feita pela Fundação Nacional de Saúde (Funasa), em 2010, havia mais de 300 pessoas morando nessa comunidade. Eles se destacam por sua produção agrícola, extrativista e artesanal, confeccionando com cipós, adornos, utensílios e até móveis. Estas e outras virtudes chamaram a atenção dos alunos Pedro Vidal e Lucas Plutarcho, do curso de Publicidade e Propaganda, da Universidade de Fortaleza, para conhecer a comunidade e realizar um ensaio fotográfico.

O grupo se destacou por sua área de beleza natural e com o auxílio da rede Tucum de desenvolvimento de atividades de Turismo Comunitário, passaram a receber visitantes em sua terra, que hoje já conta com trilhas, pousadas, restaurantes e um museu que narra toda a sua trajetória Indígena, foi construído com o intuito de fortalecer suas tradições, costumes e histórias.

No segundo semestre de 2020, Pedro Vidal e Lucas Plutarcho visitaram os Jenipapo-Kanindé e realizaram o ensaio na aldeia para a disciplina de Fotografia, com a supervisão do professor Jari Vieira. Com o resultado final do trabalho, o professor percebeu que as fotos tinham potencial para concorrer à Exposição de Pesquisa Experimental em Comunicação (Expocom), que ocorre todos os anos no primeiro semestre. “Achei fantástico e me lembro que no dia em que bati o olho nessas fotos, disse que iria dar um bom trabalho para eles concorrerem à Intercom”. Além de uma exposição, premia os melhores trabalhos experimentais produzidos exclusivamente por estudantes na área da Comunicação.

Lucas e Pedro selecionaram detalhadamente as melhores fotos e deram início à inscrição na Expocom. Os dois se submeteram à primeira fase da competição e participaram da apresentação do artigo a distância.

Concorrendo com universidades e faculdades nacionais, como a Escola Superior de Marketing e Propaganda de São Paulo (ESPM), o trabalho dos dois foi aprovado na primeira fase do concurso e na fase regional, ficando entre os cinco melhores do Nordeste, e em seguida conquistando o primeiro lugar na regional.
Nas semanas seguintes, Lucas e Pedro, já premiados, concorreram à Expocom Nacional e ganharam o primeiro lugar em Fotojornalismo com o trabalho “Jenipapo-Kanindé: cultura e cotidiano na aldeia da Encantada”. “Quando consegui acessar o celular vi que a gente tinha ganhado e foi ótimo, já liguei pro Jari direto e nós festejamos. Fico muito feliz de ter conquistado esse prêmio para o jornalismo”, afirmou Pedro Vidal. Há seis anos consecutivos os alunos da Universidade de Fortaleza são premiados na Expocom regional e nacional.

Confira abaixo as fotos escolhidas pelos alunos para participar do concurso:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php