Duo Cibernético anuncia fim de parceria de 28 anos

por Jean Dantas e Lara Albuquerque

A dupla francesa Daft Punk anunciou, nesta segunda-feira (22), a separação e o fim de 28 anos de carreira na música eletrônica. A informação foi divulgada por meio de um vídeo de oito minutos publicado em seu canal oficial do YouTube, além da confirmação dada por Kathryn Frazier, representante do duo durante muitos anos.

Parte do curta “Epílogo”, anunciando o fim da parceria (créditos: via @daftpunkunchd no twitter)

Sob o título “Epílogo”, o curta exibe os músicos Guy-Manuel de Homem-Christo e Thomas Bangalter e a mensagem com os anos  “1993-2021”, que marcam o início e o fim de Daft Punk. Até o momento, não foi divulgado nenhum motivo específico para o encerramento da dupla. 

Confira o curta no YouTube: 

28 anos de “cabeças de robôs” que reinventaram a música eletrônica

Apesar da expressiva popularização do apelido “cabeças de robô”, Daft Punk nem sempre foi uma dupla de “robôs”. Por volta dos anos 2000, os artistas adotaram a narrativa de que foram transformados em máquinas porque foram vítimas de um erro no código de um programa que teve seu mau funcionamento originado a partir de um curto-circuito no estúdio em que estavam presentes, o que teria os modificado permanentemente à forma robótica.

Mantendo o conceito e a estética cibernética que viriam a marcar o cenário da música eletrônica mundial, Guy-Manuel e Thomas Bangalter perpetuaram sua discografia em quatro álbuns de estúdio e venceram seis Grammys – prêmios concedidos anualmente aos profissionais da indústria musical pela excelência de suas produções. 

Daft Punk recebe Grammy de ‘Single do Ano’ por ‘Get Lucky’ (Foto: Mario Anzuoni/Reuters)

Apesar do sucesso alcançado a nível mundial, Daft Punk teve uma carreira marcada pelo desinteresse pela fama. Eles fizeram inúmeras aparições públicas vestidos e produzidos como se fossem verdadeiros robôs e não costumavam conceder muitas entrevistas, como uma forma de manter a autenticidade e identidade do grupo. 

O duo inovou no meio audiovisual com seu CD em formato de filme, chamado “Interstella 5555”, ilustrado por Leiji Matsumoto – ilustrador favorito da dupla na infância. Quem cresceu nos anos 2000 já deve ter visto trechos do filme em um canal local. Além do filme musical franco-japonês, os franceses também alcançaram prestígio e reconhecimento por participar de outras mídias da cultura pop contemporânea, a exemplo de propagandas e jogos. Daft Punk assinou a trilha sonora do longa “Tron: o Legado”, lançado em 2010, bem recebido pela crítica. 

Poster do curta muscial “Interstellar 5555” (Arte: daikikun75 via deviantART) 

A dupla parisiense coleciona diversas músicas de reconhecimento mundial: “Get Lucky”, o primeiro single do álbum com Pharrell Williams, viria a se tornar a música de maior sucesso do grupo até o presente; “Harder, Better, Faster, Stronger” foi utilizada como sample pelo notório rapper Kanye West; “One More Time”, “Instant Crush” e “Starboy”, ao lado de The Weeknd, são exemplos do gigantesco legado deixado por Daft Punk. 

Certamente, a dupla deixará saudades pois acompanhou diversas gerações, com diversos contextos diferentes, da nossa história. O que fica é o agradecimento e o legado de Daft Punk para inspirar futuras gerações. 

Um comentário em “Duo Cibernético anuncia fim de parceria de 28 anos

  • 25 de fevereiro de 2021 em 13:02
    Permalink

    A minha cabeça explodiu quando menor ao saber que o CD todo era um anime completo

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php