Fut7 possui regras diferentes do futebol tradicional

por Matheus Bantim

Embora, no Ceará, o fut7 não seja tão popular quanto o futebol, o esporte vem ganhando visibilidade, devido à recentes transmissões realizadas em TV aberta. A federação possui uma boa estrutura e reúne vários times desenvolvidos. No dia 22 de novembro aconteceu a final da Copa do Brasil de fut7, a partida foi disputada por  Resenha (PI) x Eusébio (CE), onde a equipe Resenha saiu com a vitória na disputa de Shoot Out.

Confira o vídeo da final:

 Fut7, ou futebol society, é jogado com sete jogadores em cada time, sendo um goleiro e seis na linha, possuindo dois tempos com 25 minutos de duração cada. Os jogos são disputados em um campo onde seu comprimento não pode exceder  60 m nem ser inferior a 45 m, e a sua largura máxima de 40 m e a mínima 25 m. Devendo o comprimento ser sempre superior à largura. Na liga cearense de fut7 existem quatro divisões, sendo elas a série A, B, C e D. Além dessas competições, existe a SUPER COPA FCEF7, que teve início no dia 14 deste mês. 

Com regras bastante rígidas, o fut7 se diferencia também devido à presença do shoot out, que consiste em um duelo 1×1 onde a bola é colocada no centro do campo e o jogador tem o objetivo de fazer gol, contando apenas com o goleiro do time adversário como jogador em campo. Para a realização do shoot out é necessário que um time cometa cinco faltas no mesmo período de tempo, caso o time faça quatro faltas no primeiro tempo, elas são zeradas quando se inicia o segundo tempo. Outra maneira de acontecer o shoot out é no desempate, onde vimos no vídeo acima que a equipe Resenha (PI) saiu com a vitória.

Em relação às advertências, o jogador que receber cartão amarelo é substituído imediatamente e deve permanecer por dois minutos no banco de reserva. Usar a mão com intenção de parar a jogada ou puxar a camisa adversária com o mesmo objetivo é obrigatório o uso do cartão amarelo. No caso de cartão vermelho, o atleta não poderá ficar no banco de reserva e deve se retirar do campo, o time ficará dois minutos com um a menos. Se um atleta de cada equipe for expulso simultaneamente, após a próxima saída de bola as equipes poderão preencher a vaga deles.

Infrações disciplinares são diversas, veja o infográfico abaixo para ter noção do que não é permitido:

(Créditos: Matheus Bantim)

Confira o depoimento de Davi Oliveira, ex-atleta que participou das competições durante o ano de 2017 a 2019 pelo time do União, atualmente disputando a série B:

O livro com todas as regras é bem extenso. Para mais informações, acesse o site oficial da Federação Cearense e consulte as regras, lá também pode encontrar informações sobre inscrições, tabela, artilheiros, ranking e calendário. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php