Cinebiografia conta a história da banda Queen

Por Clara de Carvalho

Indicado a cinco categorias do Oscar, o filme “Bohemian Rhapsody” (“Rapsódia Boêmia”, em tradução livre para o português) retrata a trajetória da banda de Queen, famosa nos anos 1970 e 1980. A cinebiografia conta a história de vida do vocalista Freddie Mercury (Rami Malek) e dos outros integrantes, Brian May (Gwilym Lee), Roger Taylor (Ben Hardy) e John Deacon (Joseph Mazzello).

O enredo retrata a vida do jovem cantor antes de sua fama, quando trabalhava no Aeroporto de Heathrow, em Londres. O longa também mostra o momento que Freddie conhece os outros componentes da banda, o início da jornada histórica da banda Queen. O processo de composições de seus hits foi o que mais chama a atenção no filme. Bohemian Rhapsody, a música que inspirou o título da longa-metragem, foi a mais explorada durante o filme.

Outro ponto interessante da narrativa é o romance de Freddie com a vendedora de roupa, Mary Austin (Lucy Boynton). O envolvimento de Freddie Mercury com homens durante as turnês da banda foi motivo de muita polêmica na carreira do artista.

O desempenho de Rami Malek como Freddie Mercury superou as expectativas de muitas pessoas. A interpretação da performance do Queen no Live Aid, de 1985, impressionou os críticos pela semelhança da atuação do ator com a apresentação de Freddie. O diretor Bryan Singer, com a ajuda do verdadeiro Brian May, guitarrista do Queen, selecionou hits inesquecíveis da banda para compor a trilha sonora do filme. Apesar de ser considerado “longo”, por ter 2h 15min, “Bohemian Rhapsody” não se torna cansativo por causa da riqueza dos detalhes.

O  longa retrata a vida do cantor em diferentes visões e ângulos, por isso não segue ordem cronológica de alguns acontecimentos, como o ano de diagnóstico da AIDS de Freddie e a lendária apresentação do Queen no Rock in Rio. Apesar de estar fora da sequência, a obra prende a atenção do espectador, seja fã da banda Queen ou não.

Freddie Mercury

Freddie Mercury, nome artístico de Farrokh Bulsara, foi um compositor e cantor britânico conhecido por sua voz poderosa, capaz de alcançar notas que poucos conseguiam. Durante a ascensão de sua banda, Freddie descobriu sua bissexualidade, o que colocou um ponto final em seu casamento. Apesar do divórcio, os dois mantiveram um bom relacionamento e o cantor fez de Mary uma das beneficiadas do seu testamento. Freddie foi diagnosticado com AIDS em 1987, mas escondeu da imprensa até a véspera de sua morte, em 1991, quando contraiu broncopneumonia.

 

Ficha Técnica

Filme: Bohemian Rhapsody

Ano: 2018

Direção: Bryan Singer

Gênero: Biografia, Drama

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php