5+ tradições de Halloween

Por Lara Montezuma

Durante o mês de Outubro, o portal do JornalismoNIC dedicou sessões exclusivas ao Halloween,  como o 5+ filmes para assistir no Halloween e o 5+ séries de terror para maratonar no Dia das Bruxas. Para celebrar a festividade, trouxemos uma seleção de costumes e tradições feitas no dia 31 deste mês para você se inspirar e também colocar em prática.

 

Uso de fantasias

 

As bruxas são uma das principais referências no quesito fantasia. Foto: Reprodução.

Os celtas acreditavam que, durante o período de Halloween, haveria um momento que permitiria os espíritos dos mortos retornarem à Terra. Para não serem possuídas, as pessoas se vestiam de maneira assustadora para afugentá-los. Em países onde a festa é comemorada tradicionalmente, como nos Estados Unidos, Inglaterra, Irlanda e Canadá, há um forte teor comercial que tornou o uso de fantasias um dos principais elementos do Halloween. Atualmente, são realizados grandes eventos que atraem turistas aos locais com diversas fantasias.

 

A lenda da abóbora

A tradição reúne as famílias para confeccionar abóboras. Foto: Reprodução.

A abóbora tornou-se um dos maiores símbolos desta data, mas a maioria das pessoas não sabe o porquê. Segundo uma famosa lenda irlandesa, há um espírito chamado Jack O’Lantern que não aceita sua morte e, por isso, não entra nem no céu, nem no inferno. Por negar o seu destino, ele vaga pelo mundo dos vivos com uma abóbora e uma vela em busca de lugares que possam acolhê-lo. A maioria dos americanos desenham rostos assustadores nas abóboras para decorar, mas há quem acredite que é uma forma de espantar o espírito de suas casas. Rumores dizem que, se você olhar fixamente para uma abóbora e ver uma pequena luz fraca, é porque conseguiu ver a passagem de Jack procurando sair do limbo em que está preso.

 

Trick or Treat

A caça aos doces são um dos momentos mais esperados do Halloween. Foto: Reprodução.

Quem nunca escutou a famosa frase “doces ou travessuras” nos filmes e séries de Halloween? Essa tradição consiste em crianças que batem de porta em porta à procura de guloseimas e diversão. A ideia surgiu no século XIX na Inglaterra, quando os protestantes decidiram criar uma celebração falsa na qual pediam por comidas e bebidas. O momento se popularizou entre os irlandeses e logo caiu no gosto dos americanos. Assim,  a prática tornou-se dos principais atrativos da data.

 

Alimentar os espíritos

Os objetos encontrados no pão têm significado. Foto: Reprodução.

A comida tem um papel importante na maioria das celebrações, como no Natal e na Páscoa. No Halloween não é diferente. Na Áustria, por exemplo, as pessoas costumam alimentar aqueles que já saíram deste mundo e estão em outros planos espirituais. Elas deixam pães, água e uma lanterna para que as almas que voltam à Terra na noite mais macabra do ano sejam bem cuidadas. Já na Irlanda, existe um típico pão para esta data, chamado de Barmbrack. Dentro de sua massa, são inseridos objetos que revelarão o futuro de quem encontrá-los.

 

Festa e religião

As missas feitas na Alemanha são uma forma de entrar em contato com os mortos. Foto: Reprodução.

Além das festas comuns que acontecem durante o período, os alemães também aproveitam para visitar as igrejas e os cemitérios. Eles rezam como uma forma de se comunicar com os seus entes e amigos queridos que já faleceram. No entanto, este momento não é feito apenas no dia 31 de Outubro, o país estende a festa até o dia 8 de Novembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php