Debate sobre mídia e alimentação abre Semana da Publicidade

Por Ana Carolina Melo e Letícia Serpa

Os hábitos alimentares da sociedade estão relacionados com a cultura imposta em determinado local. Na palestra “A influência da mídia nos hábitos alimentares”, a socióloga e coordenadora do Observatório Cearense da Cultura Alimentar (OCCA), Kadma Marques, explicou a forma como a alimentação é convencionada a partir do espaço social em que o indivíduo está inserido. O evento, que aconteceu nesta manhã (3), marcou o início da Semana de Publicidade.

Mariana Fontenele, Kadma Marques e Alessandra Oliveira. Foto: Luiz Carlos.

A socióloga acredita que a sociedade inteira está inserida em uma cultura. A demonstração cultural do alimento mostra como esta sociedade funciona, trazendo à tona as características e, também, problemas relacionados à comunidade. Kadma tratou a cultura como sendo uma dimensão coletiva de modelos de pensar e sentir. A alimentação marroquina, em que as pessoas costumam comer usando as mãos, foi usada como exemplo para diferenciar a forma de se alimentar nas diferentes convenções. “A cultura alimentar define padrões, a gente vai aderindo à maneiras de se alimentar e isto vai compondo a nossa identidade”, explica.

 

“A cultura alimentar define padrões” (Kadma Marques)

Para Pedro Ximenes, 20, estudante de Publicidade e Propaganda,  a palestra foi além do que esperava. “Antes da palestra, eu achava que ia ser debatido sobre a comida em si e não necessariamente sobre o impacto que ela poderia ocasionar às outras culturas”. O estudante completa que a discussão mostrou a existência de um estudo direcionado para a cultura alimentar e induz o estudo aprofundado sobre outras culturas. A forma como outros países se apropriam de um mesmo alimento de forma distintas e as diferentes nomenclaturas de uma comida, mesmo possuindo os mesmos ingredientes, foi um dos pontos que chamou a atenção do graduando.

A palestra foi mediada pelas professoras da cadeira de Estudos de Comunicação e Mídia, Alessandra Oliveira (Publicidade) e Mariana Fontenele (Jornalismo). Ao final, os alunos da disciplina participaram de uma amostra de alimentos, exibindo trabalhos no Estúdio de TV da Universidade de Fortaleza (Unifor). Oito equipes participaram e, cada uma, ficou responsável por um alimento diferente. Dentre eles, estavam dispostos à mesa hambúrguer de feijão, pizza de calabresa, farofa de castanha, suco de caju, canjica, bolo de batata doce, bolinho de arroz, copinhos de chocolate com café e doce de banana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php