Um mundo de super poderosos

Por Thomás Regueira

“Boku no Hero Academia” (“A Escola do Meu Herói”, em tradução livre para o português) é uma série de mangá japonesa escrita e ilustrada por Kouhei Horikoshi. O mangá começou a ser publicado em julho de 2014 e ganhou uma adaptação para anime em abril de 2017. Atualmente, a animação está no final de sua terceira temporada e é sucesso mundial.

All Might, o herói numero um. Foto: reprodução.

A história se passa em um universo alternativo, no qual 80% da população mundial possui poderes sobre-humanos. Esses poderes são conhecidos como individualidades. A partir do momento em que estas individualidades emergem nos primeiros seres, começam as surgir as figuras de super heróis e de vilões.

Midoriya Izuku, o personagem principal da narrativa, é uma das poucas pessoas que nascem sem poderes. Por causa disso, ele é vítima de bullying por parte de outros meninos da sua idade que nasceram com poderes. Midoriya é fascinado pelos super heróis, principalmente pelo herói mais forte do mundo, o número um, All Might. Apesar de nascer sem nenhuma individualidade, Izuku sonha em se tornar um herói assim como All Might.

A trama muda a partir do momento em que Midoriya é abordado por um vilão e acaba sendo resgatado por All Might. O herói mostra sua verdadeira forma para o menino, de um homem fraco e extremamente magro. Vendo sua determinação em se tornar um super herói, All Might decide treinar Midoriya para se tornar uma pessoa capaz de herdar seu poder, o One for All, já que estava ficando cada vez mais fraco e precisava de um sucessor que pudesse ser forte e trazer o sentimento de paz para as pessoas.

O menino consegue entrar em uma escola de preparação de heróis, a UA, na qual o próprio All Might é professor. O restante do enredo da animação é focado no Midoriya, que ganha o apelido de “deku”, e nos colegas de sua sala como Uraraka, Bakugou, Todoroki e Lida. Na escola, eles aprendem a melhorar seus poderes e suas competências como heróis. Ao longo dos episódios, os eventos escolares acabam se relacionando em lutas contra os vilões.

Crítica

Personagens do anime “Boku no Hero Academia”. Foto: reprodução.

Apesar de tratar o clichê de super heróis lutando contra vilões, o anime contém muita ação e não deixa de ser emocionante. Os primeiros episódios são um pouco monótonos, pois são uma introdução desse universo. Depois que Midoriya entra na UA a animação se torna algo viciante, não é a toa que Boku no Hero já é comparado com outros animes de sucesso, como Naruto. As lutas são pontos altos do anime. As cenas de ação trazem o sentimento de ansiedade para saber qual dos poderosos oponentes vai ganhar, principalmente se um estiver em desvantagem.

A principal mensagem que “Boku no Hero” pretende transmitir é para nunca desistir dos seus sonhos e querer sempre fazer o bem aos outros. Midoriya era uma pessoa que chorona, sofria com o bullying e não tinha poderes, mas nunca abandonou o sonho de ser um herói, se esforçou além do que seu corpo permitia e conseguiu estar onde sempre quis, na escola de heróis. Além disso, ele sempre tenta salvar as pessoas, mesmo que tenha que arriscar sua vida.

A maioria dos personagens é bem explorada no enredo, tanto os colegas de sala de Midoriya quanto os professores são carismáticos e têm seus momentos próprios. Até os vilões possuem perfis bem formados, algo difícil de se ver em outras obras de ficção, as quais os vilões só são maus e só existem para fazer o mal. Em “Boku no Hero”, os anti-heróis têm sua própria filosofia e de certa forma faz sentido, embora eles matem e causem discórdia.

Esse tipo de anime é recomendado principalmente para quem já é fã do gênero. Para as pessoas que não são familiarizadas com animes, “Boku no Hero Academia” tem uma mensagem forte e é muito difícil não se emocionar com o desenrolar dos acontecimentos.

Trailer (em inglês)

Ficha Técnica

Título: Boku no Hero Academia (My Hero Academia, em inglês)

Criador: Kouhei Horikoshi

Gêneros: animação, ficção, ação, shounen

Temporadas: 3 (atualmente)

Episódios: 63 (atualmente)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php