Você é um observador ou um jogador?

Por Yasmim Rodrigues

Venus Delmonico (Emma Roberts), ou simplesmente Vee, é uma adolescente americana que não gosta de se arriscar na vida. A garota não tem coragem de dizer para a mãe que quer estudar em uma universidade fora do estado, nem de falar com o menino que ela gosta. Vee é melhor amiga de Sydney (Emily Meade), que é o completo oposto da amiga. Como uma adolescente rebelde, Sydney  adora se arriscar.

Nerve é um aplicativo de desafios. Foto: Divulgação

É nesse contexto de “riscos” que surge o “Nerve”, um jogo ilegal de desafios. Há duas possibilidades de participação: como jogador ou observador. Os jogadores são desafiados pelos observadores. Os desafios, muitas vezes, são riscos reais e levam os jogadores ao limite de seus medos. Já os observadores não precisam realizar nenhum desafio. Eles são apenas os patrocinadores do jogo, pagam para assistir.

Depois de uma discussão com a melhor amiga, Vee se inscreve por impulso no Nerve como jogadora, determinada a cumprir apenas um desafio. Porém, aos poucos, a garota se deixa envolver pela adrenalina do jogo. Quando percebe, já é uma das pessoas mais assistidas da cidade, superando, inclusive, sua melhor amiga Sydney.

A vida de Vee mudou da noite pro dia. De repente, ela é confiante, corajosa e até engata um romance com o seu novo parceiro de Nerve, Ian (Dave Franco). Ao perceber que o jogo era perigoso, Vee tenta chamar as autoridades para fechar o jogo. Porém, ela havia sido avisada no início: “dedo duro se dá mal”. Agora, Vee está presa dentro do jogo, não sabe como sair e precisa ganhá-lo para proteger sua família e seus amigos.

Crítica à modernidade

Nerve traz uma perspectiva diferente sobre o mundo moderno, como a busca incansável pela fama a qualquer custo; a valorização cega do dinheiro; a perda da privacidade no mundo virtual; a facilidade com a qual se conseguem informações profundas sobre as pessoas nos perfis das redes sociais; o excesso de exposição na internet; e os perigos que o mundo virtual carrega.

Nerve questiona situações da atualidade. Foto: Reprodução

O thriller adolescente coloca em xeque o conceito de responsabilidade. O longa deixa claro que todos na internet são responsáveis pelas ações que acontecem na frente dos olhos, mesmo que estejam apenas “observando”.

Com uma trama voltada para o público adolescente e uma história que questiona a modernidade e o limite da exposição nas redes, Nerve arrecadou no fim de semana de 5 a 7 de Agosto de 2016, 26.850.322 de dólares. Atualmente, é disponibilizado no Brasil pela plataforma de streaming Netflix.

Então, você é um observador ou um jogador?

Confira o trailer:

 

Ficha técnica

Título: Nerve

Ano: 2016

Direção: Ariel Schulman, Henry Joost

Duração: 96 minutos

Gênero: Mistério, Policial

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php