Voluntários participam de intervenção artística na Praça da Gentilândia

Por Newton Filho

Os voluntários “coloriram” a praça. Foto: Arquivo Pessoal

A chacina do Benfica, que ocorreu na última sexta-feira (9), deixou um total de sete mortos e sete feridos confirmados até agora. Os ataques aconteceram em três pontos: na rua Joaquim Magalhães, Sede da Torcida Uniformizada do Fortaleza (TUF) e na Praça da Gentilândia, local com mais vítimas. Com o bairro ainda sentindo a tragédia desses acontecimentos, voluntários decidiram se unir para tentar mudar a rotina atual do local. Dividido em três ações, nos dias 15, 16 e 17 de março, em períodos pela manhã e pela tarde, participantes de diversas áreas e bairros da cidade estão ajudando a dar uma nova cara ao lugar.

Os voluntários estão grafitando partes da praça e incentivando a prática de esportes e manifestações artísticas. Promovido pela Rede CUCA de Fortaleza e divulgado nas redes sociais, a iniciativa contou rapidamente com o apoio de artistas – e até de não-artistas – dispostos a participar. Como critério de escolha, o coordenador do espaço, João Escórcio, conta que foi levado em consideração apenas a vontade de ajudar e de levar um novo significado aos espaços. Para ele, pouco importava o fato de ser artista ou apenas alguém dotado de boa vontade.

 

Para a voluntária, Angélica Amaro, de 29 anos, “o bairro só tem a ganhar com as intervenções”. Frequentadora da praça, Angélica, que é designer de interiores, espera que as ações inspirem outras pessoas. A designer participou dos crochês nos bancos da praça e nos grafites. Além da intervenção, outros atos como shows e oficinas estão programados para o local até sábado.

“O bairro só tem a ganhar com as intervenções” (Angélica Amaro)

Chacina do Benfica

Na última sexta-feira (9), por volta das 22h30, sete pessoas foram assassinadas em uma série de ataques em três pontos do Bairro do Benfica. Como de costume, o local estava lotado de frequentadores dos bares da região e estudantes que vinham da Universidade Federal do Ceará (UFC), o que contribuiu para o caos após os disparos. De acordo com uma matéria do jornal “O Povo”,  segundo o secretário da segurança pública, André Costa, a linha de investigação aponta para suspeitos ligados a torcidas organizadas. A chacina do Benfica foi a quarta registrada no Ceará nos últimos três meses.

Programação

A programação desta sexta (16/03) é toda gratuita. As ações começam a partir das 14 horas até as 22 horas. Confira as intervenções, segundo o site da Prefeitura de Fortaleza:

Praça da Gentilândia

Campeonato de skate, intervenção de graffiti, apresentação de MC’s, show da banda ‘Caixeiros Viajantes’, ‘Gueto Roots’, ‘Os Alfazemas’ e ‘Super Banda’, e ações de saúde com o ônibus “Fique Sabendo Jovem”

Praça João Gentil

Zumba, grande roda de capoeira, brinquedos infláveis, pagode e campeonato de futebol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php